Hino de Lavrinhas

Lavrinhas é feliz sonha tranquila,
O mesmo sonho azul da Mantiqueira
As margens do Rio Paraíba,
Nasceu esta terra querida.

Lavrinhas, Lavrinhas
Cidade de encantos mil,
Do ouro nasceste altiva
Berço de um povo gentil.

Lavrinhas é pequena, um vale estreito.
Que cresce linda e valorosamente
Mas grande é o seu coração
Que enche o peito da gente

Lavrinhas, Lavrinhas
Cidade de encantos mil
Do ouro nasceste altiva
Berço de um povo gentil.

Um marco enfeitando a cordilheira
Que antes era aquela augusta vila
Cintila o luar neste solo
Tão forte e cheio de vida

Lavrinhas, Lavrinhas
Cidade de encantos mil
Do ouro nasceste altiva
Berço de um povo gentil.

Letra: Marcos Almeida Pereira e Vasco de Castro Lima
Música: Marcos Toniolo

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support