Lavrinhas intensifica ações contra a Dengue

A prefeitura de Lavrinhas informa que intensificou as ações contra a Dengue na cidade e que trabalha incansavelmente para que município fique livre da Dengue.

A administração prezando pela transparência, torna público que o município recebeu 28 notificações de possíveis casos de Dengue das quais 10 casos foram positivas, 5 negativas e as demais ainda estão em análise no Instituto Adolfo Lutz.

Os casos estão concentrados no bairro do Jardim Mavisou, e assim que a Secretaria de Saúde e o Centro de Endemias receberam a confirmação do primeiro caso da doença, já foram tomadas todas as medidas cabíveis para conter o avanço dos mosquitos infectados através da nebulização, nas ruas do bairro.

A Secretaria de Saúde informa que mantém ações permanentes de combate ao mosquito da Dengue com uma rotina que envolve a colocação de larvicidas nas valas e córregos, além de realizar trabalho com bombas costais para pulverização, atividades de educação em saúde e visitas domiciliares a locais estratégicos.
A Dengue é uma doença infecciosa transmitida pelo mosquito Aedes aegypti. Os sintomas mais comuns da Dengue são: febre, dor de cabeça, dor na região dos olhos, dores nas articulações e mal estar geral. O mosquito da Dengue precisa de água limpa, parada, para sua reprodução, pequenos recipientes como tampinha de garrafas ou um simples plástico que acumule água de chuva, até grandes recipientes como caixa d’água ou piscinas podem ser criadouros do mosquito.

Algumas medidas que ajudam nossa cidade:

  • Mantenha fechadas as tampas de vasos sanitários e de ralos pouco usados;
  • Se for viajar, feche também os ralos dos banheiros e a tampa dos vasos sanitários;
  • Deixe o quintal sempre bem varrido, eliminando recipientes que possam acumular água, como tampinha de garrafa, folhas, sacolas plásticas, entre outros;
  • Tampe tonéis, caixas d’água e qualquer tipo de recipiente que possa reservar água;
  • Certifique-se de que as lonas de cobertura estejam bem esticadas para não haver acúmulo de água;
  • Não deixe acumular água nos pratos de plantas;
  • Coloque garrafas vazias de cabeça para baixo;
  • Se tiver pneus no quintal, mantenha-os secos e abrigue-os em local coberto;
  • Antes de viajar, tire a água dos pratos de plantas e guarde a vasilha de água e de comida de animais de estimação;
  • Escolha um dia fixo na semana para fazer a eliminação dos focos.

Para que nossa cidade continue livre da Dengue é preciso que cada morador colabore mantendo sua casa e quintais limpos e livres de objetos ou recipientes que possam acumular água parada e que venham se transformar num criadouro do mosquito da Dengue.

A administração municipal reforça seu comprometimento com a transparência e nas ações de combate ao mosquito Aedes aegypti.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support